Você sabe quais são as consequências de não fazer a conciliação bancária no fluxo caixa?

jul 21, 2022

O que é a conciliação bancária? É sinal de que uma empresa acompanha as finanças, comparando as estimativas apontadas pelo financeiro com os lançamentos apresentados no extrato bancário, para compor os saldos reais presentes das contas.

Sem esse comparativo, o seu negócio pode estar exposto a risco de fraude e furos no fluxo de caixa, além de não conseguir fazer projeções para o futuro da empresa.

Não fazer a conciliação bancária indica que a sua gestão financeira não segue estratégias que levam à longevidade da indústria.

Uma das saídas para o problema de compor o saldo financeiro atualizado da empresa é investir em tecnologia, de modo que ela faça a incorporação automática dos extratos bancários ao sistema financeiro.

Isso porque existem consequências de não fazer a conciliação e a sua empresa não precisa sofrer com nenhuma delas.

Veja quais são!

Multas por atraso de pagamento

Não basta supor, é preciso ter certeza de que um pagamento foi efetivado. Mesmo que o controle seja feito de cabeça, há sempre um momento em que a memória falha e dá espaço a controvérsias.

atitudes controvertidas podem gerar multas. Se um pagamento for computado, mas não tiver sido efetivado, o resultado implica em arcar com taxas excedentes causadas pelo engano.

É ao evitar esse tipo de situação que a conciliação bancária contribui com a gestão financeira mais eficiente, afinal nenhum negócio pode se dar ao luxo de perder dinheiro por falta de atenção às finanças.

Não conseguir identificar desvios ou pagamentos indevidos

É preciso ter olhar vigilante a todo o tempo. Sem uma rotina de controle interno, o seu dinheiro pode ir pelo ralo.

Quem nunca pagou duas vezes uma mesma conta? Tentou fazer a transação em um banco pela internet, não conseguiu. Foi para o aplicativo do banco e a transação não se completou. Muitas vezes, a instabilidade na rede pode levar a uma perda financeira.

Isso se a sua empresa não contar com um sistema que faça essa conciliação entre os extratos das instituições financeiras, identificando o código do boleto na lista de débitos das duas contas.

Não saber se há recursos disponíveis para novos investimento

A conciliação bancária ajuda em uma das principais tarefas para o crescimento: o planejamento orçamentário.

Saber quanto a empresa vai ter de despesas ou entradas de capital ao longo do ano, dos meses e até dos dias demonstra maturidade financeira e preparo para enfrentar jornadas de crescimento, mesmo diante do mercado em baixa. Fazer conciliação bancária é, afinal, manter o fluxo de caixa em dia.

Identificar operações de risco

Nem sempre as operações bancárias estão devidamente identificadas. Por isso, é preciso manter sobre elas um histórico que vai muito além do extrato. Quando o fisco bater a sua porta, você precisará responder à qual transação corresponde uma entrada de grande valor na sua empresa.

Todas as operações devem ser identificadas, tais como:

  • Depósitos com mais de 90 dias não vinculados a uma transação;
  • Estornos de cheques que passarem de cinco dias;
  • Retiradas com mais de dois dias, sem indicação de origem.

Não tomar outras atitudes saudáveis para o financeiro

Se a sua empresa faz a conciliação, realiza também a escrituração bancária. Escriturar os movimentos do dinheiro operado na sua empresa pode trazer mais segurança diante do fisco.

Fazer a escrituração vai além de apenas conciliar os dados bancários e as previsões feitas pelo financeiro. Escriturar pressupõe o registro metódico de cada operação que envolva o dinheiro da empresa.

Cuide da gestão financeira da sua indústria. Se o processo manual não dá mais conta, procure soluções confiáveis. A Magistech Sistemas pode lhe ajudar nessa tarefa!

Últimas Notícias

Os assuntos mais relevantes do momento sobre gestão, inovação, tecnologia e agronegócio.

Aplicativos de Coleta: transformando a captação de leite

Aplicativos de Coleta: transformando a captação de leite

Quando a maneira tradicional de fazer leite se encontra com as novidades tecnológicas, os aplicativos de coleta se destacam como algo que muda bastante como o leite é coletado nos fazendas dos produtores rurais. Neste post, vamos explorar como essas ferramentas estão...

Defis 2024: prazo de entrega termina nesta quinta-feira

Defis 2024: prazo de entrega termina nesta quinta-feira

A Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (Defis) deve ser entregue até quinta-feira (28), que é considerado o último dia útil do mês de março. Empresas enquadradas como Microempresas (ME) ou Empresas de Pequeno Porte (EPP) inscritas no Simples...

FGTS Digital: entenda o que muda com novo sistema

FGTS Digital: entenda o que muda com novo sistema

O governo federal anunciou o lançamento do FGTS Digital nesta sexta-feira (1º). O novo sistema estava em fase de testes até meados de janeiro e agora será disponibilizado oficialmente aos empregadores. A nova plataforma do FGTS Digital foi desenvolvida com o intuito...